Arquivo mensais:novembro 2017

Chiaroscuro Studios lança selo de quadrinhos autorais

Chiaroscuro Studios lança selo de quadrinhos autorais

São Paulo, 10 de outubro de 2017. A Chiaroscuro Studios, empresa brasileira de agenciamento de quadrinistas e uma das maiores do mundo nesse segmento, produzindo mais de 300 revistas e mais de 7.000 páginas de quadrinhos por ano para empresas como DC Comics, Marvel Comics, Dark Horse, Titan Books e Skybound entre outras, anuncia a produção de conteúdo autoral com uma graphic novel inédita que homenageia o gênero de super-heróis.

Na história, Vladimir Horrorovich é o ditador da Krasólvia, país do leste europeu. Mas também é um dos maiores vilões do mundo, mais conhecido como Doc Horror. Acusado de traição à humanidade durante uma invasão alienígena que causou a morte dos três maiores heróis da Terra e de inúmeros civis, ele está no centro do julgamento do século. O planeta acompanha o testemunho de diversos superseres e de outros personagens que jogam luz sobre a história do criminoso e os fatos que envolvem aquele dia. Para que a justiça prevaleça, a verdade precisa vir à tona.

DIAS DE HORROR é uma graphic novel original, com roteiro de Danilo Beyruth (Bando de Dois, Astronauta – Magnetar, Ghost Rider), desenhada, arte-finalizada e colorida por mais de 50 artistas da Chiaroscuro Studios, reunidos para produzirem juntos este álbum único. A lista inclui grandes nomes dos quadrinhos nacionais e mundiais como Ivan Reis (Justice League of America), Eddy Barrows (Detective Comics), Robson Rocha (Supergirl), Adriana Melo (Doctor Who), Marcio Takara (Nightwing), Paulo Siqueira (Secret Empire), entre dezenas de outros.

A publicação de luxo terá ao todo 128 páginas, em capa dura e impressão em couchê fosco 150g, no tamanho de 21 cm x 31 cm. A HQ será em português, mas haverá uma versão em inglês somente em formato digital.

Isolda – A Canção da Espada

Calma, antes que fuja não deixe de pegar seu PRESENTE!
Oi, tudo bem? Eu quero convidar você para conhecer um pedacinho
da minha nova história!
Isolda A Canção da Espada é meu novo quadrinho que está no catarse (site de ajuda coletiva) e você vai poder dar uma conferida antes de todo mundo!
Acessando o link abaixo você pode examinar o quadrinho, e se for rápido pode conseguir um exemplar em uma das opções sem pagar frete, mas seja rápido essa opção é limitada.

Visite o projeto: Isolda A Canção da Espada
https://www.catarse.me/isolda?ref=ctrse_explore_pgsearch&project_id=62721&project_user_id=639817

Fanpage Oficial da HQ: Isolda A Canção da Espada

No mais, muito obrigado por me acompanhar de alguma forma direta ou indireta nessa batalha.

EDGAR ALLAN POE ENCONTRA O FOLCLORE BRASILEIRO EM CARNIÇA, HQ DE RODRIGO RAMOS E MARCEL BARTHOLO

EDGAR ALLAN POE ENCONTRA O FOLCLORE BRASILEIRO EM CARNIÇA, HQ DE RODRIGO RAMOS E MARCEL BARTHOLO

Inspirados nas obras de Edgar Allan Poe e David Cronnenberg, os autores recontam a lenda do corpo-seco, um dos mais tradicionais mitos folclóricos brasileiros.

“Apesar do elemento sobrenatural, Carniça é um retrato cru e terrível da nossa realidade”.
– Juscelino Neco, autor de Matadouro de Unicórnios e Parafusos, Zumbis e Monstros do Espaço.
CARNIÇA, HQ de Rodrigo Ramos (Medo de Palhaço, Narrativas do Medo) e Marcel Bartholo (Por Trás das Sombras, Insubstituível) traz elementos inspirados na obra do escritor Edgar Allan Poe e do cineasta David Cronenberg para recontar a lenda do corpo-seco – um dos mais tradicionais mitos do folclore brasileiro.
Carniça é a primeira história em quadrinhos escrita por Rodrigo Ramos, editor e responsável pela seção de quadrinhos do site Boca do Inferno, o maior e mais completo site sobre o gênero terror na América Latina.
“A história foi escrita para uma coletânea, mas gostamos tanto da ideia que decidimos lança-la de maneira independente. Peguei elementos de diversos contos do Poe e misturei com a lenda do corpo-seco tentando trazer aquele clima de desespero e pesar dos seus contos. Tem também uma pegada de body-horror meio David Cronenberg que faz o link entre os dois elementos.” – diz Rodrigo.
Para traduzir a história em imagens, o quadrinista Marcel Bartholo, indicado ao troféu HQ MIX 2017, se inspirou no famoso quadro Retirantes de Cândido Portinari.
“Quando li o roteiro de Carniça, a imagem dos retirantes de Portinari veio claramente como inspiração, unida a uma carga pesada de Nanquim “trash”. Pensei numa evolução ao meu traço utilizado em “Insubstituível”, estilizando mais, experimentando diagramações e trabalhando de maneira tradicional, com lápis, mesa de luz, bico de pena e pincel, usando uma colorização digital com uma paleta extremamente limitada.” – explica Marcel.
Carniça tem 20 páginas totalmente coloridas no formato europeu (21 x 28 cm) em papel couchê fosco. O lançamento oficial ocorre no IV Festival Boca do Inferno, que acontece nos dias 25 e 26 de novembro na Oficina Cultural Oswald de Andrade, no Bom Retiro em São Paulo. Depois disso seguirá o circuito de eventos de quadrinhos em 2018.

SINOPSE:
O sertanejo Jonas convive com seus próprios demônios e um forte cheiro de carniça que o persegue como a constante lembrança de um antigo crime. Quanta culpa um homem pode suportar até que seus pecados passem a consumi-lo psicológica e fisicamente? Inspirados nas obras de Edgar Allan Poe e David Cronenberg, Rodrigo Ramos (Medo de Palhaço, Narrativas do Medo) e Marcel Bartholo (Insubstituível, Por Trás das Sombras) recontam a lenda do corpo-seco, um dos mais tradicionais mitos folclóricos brasileiros.
SOBRE OS AUTORES:
Marcel Bartholo, carioca “paulistado”, pós-graduado em Artes Visuais-Cultura e Criação, Ilustrador, quadrinista e artista plástico, é professor de desenho em Sorocaba (SP), ministra oficinas de desenho e criatividade. Sócio fundador do Estudio Ideaboa, organiza o Ilustradoria – Encontro Ilustrado, evento voltado para os admiradores e profissionais do desenho. Fanático pela literatura de terror/horror, acredita na arte como forma de vencer todos os medos.
Rodrigo Ramos é designer, especializado em Marketing Farmacêutico, e desde 2010 atua como editor responsável pela sessão de quadrinhos no portal Boca do Inferno, o maior e mais completo site da América Latina sobre o gênero fantástico. Em 2016 lançou Medo de Palhaço, junto de outros membros do Boca do Inferno, pela editora Generale e em 2017 estreou na ficção com o conto Penitência para a antologia Narrativas do Medo pela editora Autografias.

CARNIÇA
Roteiro: Rodrigo Ramos
Arte: Marcel Bartholo
Formato: 21 x 28 cm
24 páginas coloridas

MAIORES INFORMAÇÕES:
https://www.facebook.com/CarnicaHQ
https://www.facebook.com/IlustradorBartholo
https://www.facebook.com/TheRodrigoRamos

Terror na CCXP 2017 – HellDang! Uma revista com ocultismo, violência e heavy metal!

Terror na CCXP 2017 – HellDang! Uma revista com ocultismo, violência e heavy metal!

Em sua busca pelo sucesso, a banda HellDang faz um pacto com o demônio!

O desenhista Samuel Sajo (MAD, Escape HQ, Insano, Despacho) e o roteirista Airton Marinho (Cabra D´Água, Rei Amarelo em Quadrinhos, Despertar de Cthulhu em Quadrinhos, Demônios da Goétia em quadrinhos e Gibi Quântico) se uniram para criar uma revista de horror com histórias inspiradas em música pesada e ocultismo satânico, tudo regado com muito sangue e horror!

Nesta edição, você acompanhará a banda HellDang que está cansada do fracasso e de shows vazios. Por isso, eles decidiram fazer um pacto com o demônio goetico Amduscias para conseguir fama, dinheiro e mulheres. Mas as coisas saem do controle e tudo fica muito perigoso e bizarro.
Com rock and roll, youtubers e caminhoneiros, HellDang é uma revista recomendada para leitores maduros que curtam mutilações, humor negro, filmes trash e fãs do selo Vertigo e Hellblazer.

Lançamento da primeira edição será no Artists Alley da CCXP de 2017, mesa A40.

HellDang tem 24 páginas em preto e branco, formato 17 x 24 cm, capa cartonada, papel couchê e custará R$ 10,00

Mais informações:
helldanghq@gmail.com

LA ÚLTIMA CENA ( A última ceia)

LA ÚLTIMA CENA ( A última ceia)

La última cena. Drama historico. Cuba. 1976 A fines del siglo XVIII, en una plantación de caña de azúcar, el dueño, un conde, al más puro estilo europeo, en un acto de expiación, reúne a 12 esclavos y les lava los pies el día jueves santo. Luego los invita a cenar a solas con él, momento en que aprovecha para hablarles del sacrificio de Cristo y de su acto de amor hacia los hombres.

Los esclavos, bebidos, entran en confianza y comienzan a señalarle sus inquietudes sobre su condición y el malestar que les genera la violencia de Manuel, el capataz. El resto es una epica sublevacion de esclavos y su consecuente persecusion y aniquilamiento.

Dirigida por Tomás Gutiérrez Alea y producida por el Instituto Cubano del Arte e Industria Cinematográficos (ICAIC), basada en “El ingenio”, del historiador cubano Manuel Moreno. En el eleco de actores figuran: Nelson Villagra, Silvano Rey, Luis A. García, José Antonio Rodríguez, Samuel Claxton, Alfredo O’Farrill, Mario Balmaseda, Mirtha Ibarra, entre otros.