Ednardo – Pavão Misterioso

Ednardo – Pavão Misterioso

Pavão misterioso Nessa cauda Aberta em leque

Me guarda moleque De eterno brincar

Me poupa do vexame De morrer tão moço

Muita coisa ainda Quero olhar…

Pavão misterioso Pássaro formoso Tudo é mistério

Nesse seu voar Ai se eu corresse assim

Tantos céus assim Muita história Eu tinha pra contar…

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.